Professor Fernando Segadas morre aos 82 anos

O Campo perdeu, no dia 06/01, um de seus maiores companheiros. O professor Fernando Segadas Vianna (à esquerda na foto) faleceu de insuficiência respiratória depois de 82 anos bem vividos.

Grande parceiro do Núcleo de Educação Ambiental, o professor Segadas foi o primeiro ecologista brasileiro e viveu cerca de 30 anos de sua vida em Tinguá. Ele era professor da Universidade Federal do Rio de Janeiro (UFRJ) e criador do Departamento de Ecologia da entidade acadêmica.

Como forma de homenagem e agradecimento, o Campo pensa em colocar em uma de suas salas o nome do professor.

Voltar ao topo